5 detalhes imprescindíveis para a criação de ambientes primaveris

Há algumas semanas, estávamos ainda em pleno frio de inverno e apetecía muito ficar em casa deitado no sofá debaixo de um cobertor ou na frente do fogo. Talvez seja por isso que você gostou tanto do nosso post sobre 5 detalhes imprescindíveis para criar ambientes acolhedores, com um monte de idéias para aplicar em ambientes de inverno. Hoje vamos fazer o próprio revendo os 5 detalhes decorativos cujo domínio se basta e se sobra para criar ambientes da primavera de matrícula. Siga-nos!
1. Ambientes primaveris: flores frescas
Não há nada mais a primavera que as flores frescas, e, por isso, este é o primeiro elemento decorativo que você deve dominar se quiser que seu ambiente respirar primavera. Torne-se com um bom ramo de vistosas flores frescas e sitúalas em um generoso vaso para que se vejam bem ali onde opte por colocá-las. Vestidos com especial intensidade o seu ambiente se coloca sobre mesas, armários, móveis de sala ou do corredor, ou sobre mesas auxiliares estrategicamente colocadas. Aqui tem mais propostas de arranjos florais da primavera por se essas idéias não se bastam.

2. Ambientes primaveris: plantas
Se os ramos de flores não são sua coisa, ou se procura criar ambientes primaveris mais sóbrios e neutros, experimente decorar a sua casa com plantas variadas e bem verdes. O efeito global é muito parecido com o das flores: cheios de vitalidade e frescor seu ambiente, mas não terá que preocupar-se de combinar o tom das flores com outros detalhes da estadia, já que o verde das plantas combina bem com tudo. A ter em conta maneiras alternativas de decorar com plantas, como, por exemplo, integrá-las na decoração não através de plantas reais, mas através de quadros botânicos nas paredes.

3. Ambientes primaveris: têxteis claros
Se a melhor forma de criar ambientes aconchegantes no inverno era usar têxteis quentes como a lã, o trapilho ou o crochê, uma das melhores maneiras de criar ambientes da primavera é substituir os tecidos grossos por têxteis para a casa muito mais leves. O linho, a linha, o algodão ou a musselina são candidatos perfeitos para substituir os pesados cobertores nórdicas que no inverno protagonizaban roupas de cama e sofá. Até mesmo uma manta fina, mas que abrigue pode ser muito apropriada para criar um ambiente confortável nesta época do ano, já que até a primavera mais brilhante e ensolarado tem dias frios e chuvosos.

4. Ambientes primaveris: tapetes finos
Um truque ótimo para iluminar a decoração na primavera é integrar tapetes finos com estampas cheias de cor ou cujo protagonista seja uma cor eminentemente claro e vital. Se no inverno nos apetecían tapetes fofos que nos cobijaran os pés com o carinho de um cobertor, na primavera anseiam mais tapetes finos que nos estimulem visualmente e impeçam que o nosso pé tocar diretamente o frio chão –algo que, sem dúvida, daremos muito mais quando se instala definitivamente o calor do verão.

5. Ambientes primaveris: cores claras e vivas
E para terminar, um recurso que nunca falha é o de adicionar cores brilhantes e claros na decoração. Não há necessidade de fazer grandes mudanças ou investimentos: basta comprar um detalhe, por exemplo, um vaso, um quadro, uma capa de almofada ou uma estante de algum cores da primavera –a em consonância com as cores da primavera conforme o Pantone da temporada em questão–, e já tem sua casa vestida de primavera. Para os mais ousados, uma boa opção é pintar com cores vivas alguma porta, adicionar algum móvel novo ou até mesmo forrar uma parede.

Como se vê, a criação de ambientes primaveris não tem que ser caro ou implicar esforços titánicos: basta dominar bem o uso de alguns elementos-chave. Você se anima a colocar em prática essas ideias?
Imagens|, Clicando em cada imagem, você pode acessar a sua fonte.
Foto de cabeçalho | Fotolia.
5 detalhes imprescindíveis para a criação de ambientes primaveris