Como combater a prisão de ventre?

imagem de uma mulher com as mãos abaixo da cintura

Umas das piores sensações que podemos ter são com problemas intestinais, e esse é um dos problemas que mais atacam as pessoas, por vários motivos que vamos falar hoje nesse artigo.

Para aprender a como soltar o intestino, primeiro é preciso fazer toda uma reeducação alimentar com alimentos ricos em fibras, e gorduras boas, mudar mesmo o estilo de vida, praticar exercícios físicos e tomar bastante líquido no dia a dia.

Se você não sabe o que fazer quando as fezes estão duras e não saem, gases presos, então continue ligadinha aqui no texto e aprenda o que é bom para prisão de ventre.  Não sofra mais com isso!

 

Intestino preso: o que fazer

Para começarmos a falar sobre como melhorar a prisão de ventre, primeiro precisamos dizer que é fundamental mudar hábitos diários da nossa vida. Isso inclui:

  • Beber pelo menos 3 litros de água por dia: Isso ajudará a evitar o ressecamento das fezes, principalmente se a pessoa tiver ingerindo alimentos que contenham fibras. Quando as fezes estão desidratadas elas têm dificuldades para percorrer pelo nosso intestino. Isso pode gerar diversos problemas, como as hemorroidas, machucados e sangramentos.
  • Consuma alimentos com fibras: Você encontrará fibras em frutas com cascas e bagaços, além de vegetais e em sementes como o chia, a linhaça e gergelim. Para quem ainda não sabe, as fibras são carboidratos que são resistentes a nossa digestão, ou melhor, dizendo, as fibras são prebióticos, substância perfeita para manter a nossa flora intestinal em dia;
  • Ingerir gorduras boas: Gorduras boas servem de lubrificante para facilitar a passagem das fezes em nosso intestino. Alguns alimentos ricos em gordura é o abacate, azeite, óleo de coco, castanhas, nozes, amendoim, chia, linhaça, gergelim, entre outros;
  • Praticar exercícios físicos: O ideal é fazer algum tipo de exercício físico regularmente para fortalecer a musculatura do abdômen, já que ele é o responsável por fazer a pressão do intestino para as fezes saírem. Além disso, na medida em que o corpo vai se movimentando com os exercícios físicos, consequentemente nosso intestino também movimenta. O ideal é praticar exercícios físicos, independe do que seja, algum esporte, dança, academia, correr, caminhar, ou qualquer outro, pelo menos de cinco a três vezes por semana;
  • Sentiu vontade? Vai logo ao banheiro: Não fique adiando a sua vontade de ir ao banheiro, assim que perceber que é preciso ir, vá o quanto antes. Se ficar segurando pode gerar ainda mais prisão de ventre. Um músculo chamado esfíncter involuntário, que ajuda na passagem das fezes, pode também impedir a evacuação;
  • Consumir alimentos com probióticos: Alimentos que contém essa substância são feitos por bactérias boas para o nosso intestino, como o iogurte natural. Essas mesmas bactérias ajudam a conter as fibras da alimentação e assim a formar as fezes. Os probióticos ajudam muito em relação à constipação intestinal, nome também direcionado a famosa prisão de ventre. Existem alguns produtos para intestino preso que é rico em próbióticos, o que ajuda como regulador intestinal.  O ideal é consumir essa substância pelo menos três vezes por semana. Lembrando que para aqueles que optarem pelos produtos, é necessário ir antes por um médico ou nutricionista para avaliar direitinho cada caso e passar a recomendação correta;
  • Evitar usar laxantes: O uso de laxantes pode piorar ainda mais a obstipação intestinal, deixando o órgão inflamado. Além disso, substâncias com laxantes podem alterar a flora intestinal, resultando na prisão de ventre e atrapalhando a digestão dos alimentos.

Essas dicas são fundamentais para mulheres gestantes, pois muitas sofrem com prisão de ventre na gravidez. Então adote algumas delas, quem sabe esse probleminha não vai embora rapidinho.

 

Prisão de ventre: sintomas

A prisão de ventre é muito comum entre os brasileiros, atingindo principalmente as mulheres. Mas muitas pessoas não admitem sofrer com o problema por vergonha ou também pela falta de informações e achar que esse problema só acontece com aqueles que nunca vão ao banheiro.

Mas na verdade não é bem assim a realidade, pessoas que tem o costume de ir pouco ao banheiro, também são pessoas consideradas com prisão de ventre.  O que muitos não sabem é que até aquelas que têm dificuldade na hora de evacuar e precisa fazer muito esforço, também são consideradas pessoas que sofrem de constipação intestinal.

Alguns dos sintomas de quem tem prisões de ventre são:

– Duas evacuações ou menos por semana;

– Fezes ressecadas;

-Fezes volumosas;

-Dificuldade para evacuar;

-Distenção do abdômen;

– Sensação de que ainda há o que evacuar, mas não conseguir;

– Muitos gases.

As pessoas precisam ir ao banheiro de 3 a 12 vezes por semana com facilidade para não terem problemas de intestino preso.

A Dermo Manipulações é especialista em produtos para prisão de ventre. Confira a lista completa de produtos disponíveis em nossa loja online. Lembre-se de consultar um médico ou nutricionista antes de comprar um dos produtos.